Um relatório divulgado pela União Internacional de Telecomunicações, órgão ligado à ONU, mostra que o número de usuários da internet chegará a 3 bilhões até o fim de 2014. Outro dado relevante diz respeito à quantidade linhas de celular, que chegará a 7 bilhões –quase o mesmo número de habitantes do planeta, estimado em 7,1 bilhões pelos EUA.

Apesar de a quantidade de linhas de celular ser semelhante à de pessoas, muitos usuários têm mais de uma linha de celular. No Brasil, por exemplo, há cerca de 135 linhas de celular para cada 100 habitantes, de acordo com a Anatel.

Tanto o crescimento de usuários on-line como o de linhas de celular é atribuído pela ITU principalmente aos países em desenvolvimento na África e na Ásia.

De acordo com o relatório, essas são as regiões “com maior crescimento de linhas de celulares, mas as menores taxas de penetração”.

Ainda segundo a ITU, das 3 bilhões de pessoas que terão acesso à rede até o fim do ano cerca de dois terços –ou 2 bilhões de pessoas– estão em países em desenvolvimento. Mesmo assim, a penetração da internet em países desenvolvidos, como era de se esperar, é bem maior.

Estes números correspondem a uma penetração de 40% dos usuários globalmente, sendo 78% em países desenvolvidos e 32% em países em desenvolvimento. Mais de 90% das pessoas que ainda não usam a internet estão no ‘mundo em desenvolvimento’.

internet