O Cinema sempre influenciou a moda, os costumes, a tecnologia, a arquitetura e design. Filmes como Blade Runner influenciaram, e continuam influenciando arquitetos a desenvolver construções baseadas na estética desenvolvida para o filme.

Uma empresa de arquitetura de São Bernardo do Campo, a Eduardo Ronchetti Arquitetura, desenvolveu todas as fases da recepção e da área de atendimento da empresa Sevilha de contabilidade, desde a criação do projeto, passando pela escolha dos detalhes, aplicação dos conceitos, aprovações na prefeitura até a realização da obra.

Todos estes aspectos foram desenvolvidos para garantir que os aspectos únicos e visionários de sua criação fossem implementados da maneira como foram criados.

Uma arquitetura fluida, de linhas orgânicas e contínuas, do piso, passando pelas paredes, até o teto, a criação da empresa de arquitetura poderia ser definida pela palavra LUZ.

O cinema e a arquitetura

Uma criação que une a plasticidade do desenho a luminosidade da modernidade em sua concepção, criando algo que encontra referência em filmes de ficção científica, como Minority Report, Star Trek, Oblivion e Blade Runner.

O cinema e a arquitetura

Para criar este conceito “futurista” para a Sevilha, a Eduardo Ronchetti Arquitetura utilizou o combinação da simetria entre linhas retas com a fluidez de linhas arredondadas, criando algo belo, cleam e funcional.

3

Tudo tem sua função, seja servir de balcão ou apoio, até uma extensão da logomarca da empresa como piso, cada detalhe foi pensado. Pode-se destacar a beleza e singularidade do balcão de atendimento e da escada para o nível superior.

O balcão estende-se em um “S”, completado por lâminas de vidro dispostas e ordem crescente, “brotando” do chão, captando a luz do ambiente, criando uma escultura iluminada.

4

A escada é uma criação exclusiva. Com uma estrutura dotada de plasticidade orgânica, a escada de bordas arredondadas é digna de figurar em catálogos de arquitetura internacionais. Belíssima estrutura, a escada lembra as criações do designer suíço H.R.Giger, criador do visual dos Aliens, do filme “Alien – O Oitavo Passageiro”.

A escada lembra uma caixa torácica estilizada, desenvolvida em uma estrutura única, parecendo algo moldado com um propósito distinto.

5

Uma criação bela, funcional e futurista de uma empresa visionária que aplica conceitos do futuro hoje.