A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas entregou na noite deste domingo, 26/02, os Oscars de 2017.

A cerimônia começou de firma diferente, iniciando a noite com um número musical que adentrava o teatro e Justin Timberlake levou todos a dançar.
O tema da noite destacou se logo de início como crítica ao governo Trump, unindo a comunidade cinematográfica em um coro contrário a política atual.

Destaque também para a diversidade presente na cerimônia e nas premiações, tirando algumas piadas meio sem graça do apresentador Jimmy Kimmel, que aproveitou a noite para dar continuidade a sua “rivalidade” com o ator Matt Damon.
A noite seguia sem grandes acertos nem defeitos, até a entrega do último prêmio, o de Melhor Filme, quando aconteceu algo inédito.

Warren Beatty e Faye Dunaway foram escalados para entregar a estatueta, e no momento da abertura do envelope, pode se notar claramente um embaraço em Warren, que reticente, entregou o cartão à Faye que leu o vencedor: La la Land…

Os produtores, elenco e equipe do filme subiram ao palco, fizeram seus discursos e agradecimentos, enquanto seguranças munidos de fones de ouvido corriam pelo palco. Neste momento o produtor do filme é alertado da confusão: Havia sido entregue a Beaty o envelope ERRADO, de melhor atriz para Emma Stone, que já havia recebido, e não de melhor filme, que deveria ser Moonlight.

O produtor de La La Land anunciou o equivoco, visivelmente aborrecido, e chamou ao palco a equipe do filme certo para depois devolverem os Oscars.

“La La Land” terminou a festa com seis prêmios, “Moonlight” com três, “Manchester à Beira-Mar” e “Até o Último Homem” com dois cada, e “A Chegada” e “Um Limite entre Nós” com um cada.

 

Lista dos vencedores:
ATOR COADJUVANTE:
Mahershala Ali, “Moonlight: Sob a Luz do Luar”

 

 
MAQUIAGEM E CABELO
“Esquadrão Suicida”

 

 
FIGURINO:
“Animais Fantásticos e Onde Habitam”

 

 
LONGA DOCUMENTÁRIO:
“O.J.: Made in America”

 

 
EDIÇÃO DE SOM:
“A Chegada”

 

 
MIXAGEM DE SOM:
“Até o Último Homem”

 

 
ATRIZ COADJUVANTE:
Viola Davis, “Um Limite entre Nós”

 

 
FILME ESTRANGEIRO:
“O Apartamento” (Irã)

 

 
CURTA DE ANIMAÇÃO:
“Piper”

 

 
LONGA DE ANIMAÇÃO:
“Zootopia”

 

 
DIREÇÃO DE ARTE:
“La la land: Cantando Estações”

 

 
EFEITOS VISUAIS:
“Mogli: O Menino Lobo”

 

 
EDIÇÃO:
“Até o Último Homem”

 

 
CURTA-METRAGEM:
“Sing”, Kristof Deak e Anna Udvardy

 

 
CURTA DOCUMENTÁRIO:
“The White Helmets”

 

 

FOTOGRAFIA:
“La la land: Cantando Estações”

 

 

TRILHA SONORA:
“La la land: Cantando Estações”

 

 

 

CANÇÃO ORIGINAL:
“City of Stars”, de “La la land: Cantando Estações”

 

 

 

ROTEIRO ORIGINAL:
“Manchester à Beira-Mar”

 

 
ROTEIRO ADAPTADO:
“Moonlight: Sob a Luz do Luar”

 

 

DIREÇÃO:
“La la land: Cantando Estações”, Damien Chazelle

 

 

ATOR:
Casey Affleck, “Manchester à Beira-Mar”

 

 

ATRIZ:
Emma Stone, “La la land: Cantando Estações”

 

 

MELHOR FILME:
“Moonlight: Sob a Luz do Luar”