A Panasonic, empresa japonesa de tecnologia, começará a fabricar em série uma armadura robótica, passando a ser a primeira empresa a produzir em larga escala.

A armadura, chamada PowerLoader Light, funciona como um exoesqueleto de movimento assistido que multiplica a força da pessoa que a utiliza, permitindo levantar e carregar objetos pesados.

Desenvolvida pela Activelink, a subsidiária de robótica de Panasonic,o exoesqueleto terá um volume de produção de cerca de mil unidades por ano e e deverá estar disponível a partir de 2015, por um preço em torno dos 500 mil ienes (cerca de R$ 11,4 mil).

O dispositivo foi planejado principalmente para atividades industriais e de construção, ou para retirada de escombros em caso, por exemplo, de desastre natural, por isso não se descarta estabelecer um serviço de aluguel através de empresas terceirizadas.

Panasonic colocará armadura robótica no mercado

O traje é composto por um motor alimentado com uma grande bateria de lítio com duração aproximada  de duas a três horas.

As funções de pegar e soltar são feitas manualmente através de empunhaduras com joysticks, enquanto o deslocamento é ativado com o movimento das pernas.

O primeiro modelo do PowerLoader Light permitirá se deslocar a uma velocidade de 8 km/h e contará com uma potência de carga de 10 quilos, enquanto também se planeja um modelo com uma resistência de 30 kg.

Muitas empresas e institutos tecnológicos já desenvolveram armaduras robóticas de movimento assistido, mas nenhuma havia optado pela produção em série, devido aos altíssimos custos.

Panasonic Power Loader Light