Música erudita gratuita para salas de concertos e internet

/, Cultura, Música, Notícias/Música erudita gratuita para salas de concertos e internet

Terceiro Sinal leva música erudita com referências populares brasileiras, de forma gratuita para salas de concertos e internet

Projeto contemplado pelo ProAC com gravações inéditas dos músicos Newton Carneiro e Cyro Pereira, terá apresentações nas cidades de São Paulo, Campinas e Bauru, além de lançamento de álbum e documentário

 

Com o objetivo de democratizar o acesso a música de câmara erudita e ampliar o repertório nacional, o compositor e músico Newton Carneiro desenvolveu o projeto Terceiro Sinal – aprovado pelo Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo – ProAC – que traz composições de sua autoria e do maestro Cyro Pereira, com destaque para a viola orquestral. Além de Newton Carneiro (viola) o projeto conta também com a participação dos músicos Mariô Rebouças (piano) e Luiz Guello (percussão). “Terceiro Sinal tem a premissa de divulgar o gênero música de câmera, assim como agraciar e difundir a obra póstuma e inédita do maestro Cyro Pereira, um dos artistas brasileiros mais completos dentro do cenário musical contemporâneo”, ressalta o compositor, Newton Carneiro.

 

Terceiro Sinal destaca as personalidades musicais dos dois compositores, proporcionando uma experiência sonora híbrida. Parte do trabalho de Cyro Pereira apresenta referências populares brasileiras, como a obra Suíte Brasiliana – 1º movimento – Samba e Suíte Brasiliana – 3º movimento – Choro. Já a obra de Newton Carneiro é marcada pela mescla da linguagem jazzística com a música erudita. Ambos os compositores apresentam uma diversidade composicional ímpar, permeada de timbres e texturas harmônicas. O Terceiro Sinal contempla a realização de três concertos gratuitos no Estado de São Paulo: capital paulista, Campinas e Bauru, e a realização de Masterclasses/Workshops sobre a música de câmara no cenário fonográfico contemporâneo e a presença da viola orquestral dentro deste contexto.  Em Campinas, a apresentação acontece no dia 14 de junho, às 13h, na Unicamp. Em São Paulo, será no dia 25 de junho, às 15h, no Auditório Oliver Toni – USP e, em Bauru, o Teatro Municipal Celina Lourdes Alves Neves, recebe o Terceiro Sinal no dia 28 de junho, a partir das 20h.

 

Em maio será disponibilizado em plataformas digitais, via streaming, como Spotify, Deezer, iTunes, SoundCloud entre outros, o álbum Terceiro Sinal, com composições de Newton Carneiro e Cyro Pereira, com destaque para a inédita Fala Maestro, uma parceria dos dois músicos. “Quando a gente fala, já está fazendo música, por isso a Fala Maestro, é a compilação de uma conversa de mais de duas horas que tive com Cyro no ano de 2008. Esse bate-papo é o pano de fundo, durante os quatro minutos da música, onde o maestro fala de seu trabalho e de seu amor pela música”, conta. O álbum conta com a participação dos músicos Mariô Rebouças (piano), Luiz Guello (percussão), Nelton Essi (percussão), Vinicius Barros (percussão) e Lenita Portilho (piano).

 

Será lançado também, em julho, o documentário Terceiro Sinal.doc, que mostrará material inédito, captado durante a gravação do álbum. “Com essa obra documental, vamos elucidar a concepção do projeto e sua importância no cenário nacional da música de câmara hoje, mostrar como foi a construção das composições e arranjos, além de todo o processo de gravação”, explica. O documentário será disponibilizado em plataformas streaming de vídeo como YouTube e Vimeo, como forma de democratizar o acesso ao conteúdo produzido e difundir em outros meios, fora a sala de concerto. Mais informações podem ser adquiridas no site www.newtoncarneiro.com e no Facebook: www.facebook.com/newton.carneiro.musico. O Projeto conta com o apoio do ProAC – Programa de Ação Cultural da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo.

Sobre Cyro Pereira (1929-2011) – Foi um grande músico brasileiro, maestro, arranjador, compositor e pianista. Escreveu seu primeiro arranjo orquestral em 1947. Lecionou Orquestração na UNICAMP e foi maestro da Orquestra Jazz Sinfônica. Atuou como diretor de orquestra nos festivais da Rede Record e participou de programas como “O Fino da Bossa”, apresentado por Elis Regina e Jair Rodrigues. Na sua discografia destaca-se: Cyro Pereira – 50 anos de música. Sua trajetória musical está relatada na biografia Cyro Pereira, Maestro, escrita pelo jornalista Irineu Franco Perpétuo. Sua obra recebeu repercussão internacional, principalmente por sua parceria com Mário Albanese, pela criação do “samba de 5 tempos”, o Jequibau.


Sobre Newton Carneiro
 – Músico, compositor, produtor musical e arranjador é formado em Música pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo-USP, onde foi aluno de Henrique Pinto (violão), Perez Dworecki (viola), Mário Ficarelli (composição) e Roberto Sion (saxofone e improvisação). Integrou os grupos Ânima, nos anos 80, o Tetralogia nos 90, e atualmente o duo com o clarinetista Michel Moraes. Integra também as orquestras Sinfônica da USP e Jazz Sinfônica. Destaca-se entre suas produções músicas para os espetáculos de Natal do coral infantil do HSBC (Curitiba). Em 2010 publicou seu primeiro trabalho autoral em CD, o Ânima, com Derico Sciotti, Jamês Mü, Sacha Amback, Mário Campos e Ed Cortes. Em 2014 publicou o álbum Mudança em duo com Michel Moraes. Entre os discos que já produziu estão: Raio X Brasil (Racionais MC’s), Traficando Informação (MV Bill), Flamencando (Zezo Ribeiro) e As Suítes de Bach (João Carlos Martins). Possui arranjos e composições encomendadas pelas orquestras Jazz Sinfônica, Bachiana Chamber Orchestra, Sinfônica da USP e Sinfônica de São José dos Campos. Produziu músicas para diversos documentários, programas de TV e cinema, como Perfume de Gardênia, A Hora Mágica e Onde andará Dulce Veiga, além da trilha original do programa Café Filosófico, da TV Cultura.

 

FICHA TÉCNICA 

Projeto: Terceiro Sinal
Músicos dos concertos: Newton Carneiro (viola), Mariô Rebouças (piano) e Luiz Guello (percussão)
Compositores: Newton Carneiro e Cyro Pereira
Datas: Campinas 14 de junho, 13h, Sala Paes Nunes – Unicamp (Rua Elis Regina, 50 – Campinas); São Paulo – 25 de junho, 15h, Auditório Oliver Toni – USP (Rua da Praça do Relógio, 215 – travessa J, Prédio 6, Depto. de Música da ECA/USP, Cidade Universitária);
Bauru – 28 de junho, 20h, Teatro Municipal Celina Lourdes Alves Neves (Avenida das Nações Unidas, 8)
Produção Musical: Newton Carneiro
Produção Executiva: Jô Bittencourt
Fotografia: Paulo Rapoport
Artes Gráficas: AC Piantino
Engenheiro de áudio: Roger Benício
Redes Sociais: Leandro Bittencourt
Assessoria de imprensa: Sevilha Comunicação

 

 

2018-05-09T11:47:51+00:00