O filme Liga da Justiça estreou arrasando no mercado no chinês, fazendo boa arrecadação no mercado internacional, mas nem tanto nos EUA.

 

Liga da Justiça, bilheteria e o futuro da DC no cinema 3

O filme conseguiu um recorde na China, com US$ 51,7 milhões, sendo a segunda maior abertura de um filme da Warner Bros. no país, atrás apenas de Batman vs Superman – A Origem da Justiça. Já no mercado internacional, Liga da Justiça estreou em 65 mercados nesta semana (incluindo o Brasil) e somou US$ 185,5 milhões, o que é um resultado muito, muito bom.

O que mais conta para investidores e para os estúdios, entretanto, é o mercado dos EUA.

No mercado interno, o filme da maior equipe de heróis da DC Comics fez US$ 96 milhões, o que foi um pouco abaixo das estimativas de que faria algo entre 100 e 120 no seu primeiro fim de semana.

Para comparar, Guardiões da Galáxia Vol. 2, Homem-Aranha – De Volta para Casa e Thor – Ragnarok fizeram 146, 121 e 117 milhões, respectivamente, em seus primeiros fins de semana nos EUA.

A situação se complica quando se constata que Ragnarok já ultrapassou os 700 milhões em bilheteria mundial com três semanas em cartaz e permaneceu em terceiro lugar do ranking norte americano (com mais 21 milhões), atrás apenas de duas estreias, Liga da Justiça (o primeiro lugar) e Extraordinário.
Assim, Liga da Justiça não teve um resultado desprezível, US$ 281 milhões na estreia, mas tendo em vista que o custo do filme deve ter chegado aos 300 milhões (com o marketing e as refilmagens para melhorar o produto final), é provável que a Warner esperasse mais.

Para se ter uma ideia, Batman vs Superman fez US$ 160 milhões (quase o dobro de Liga!).

Todos sabem que a Warner e a DC Films aguardam ansiosamente pelo resultado de Liga da Justiça nas bilheterias para tomar as decisões sobre como prosseguirá o Universo DC nos cinemas. O intervalo a ser considerado é o de duas semanas, então, é preciso aguardar até o próximo fim de semana para ter um panorama mais completo de qual é a acolhida do filme.

A crítica brasileira recebeu bastante bem Liga da Justiça, e o público também. O filme fez R$ 12,9 milhões apenas nas pré-estreias de quarta-feira no Brasil, mas os críticos dos EUA não estão assim tão empolgados e o filme tem sido recebido com frieza.
É compreensível que após os as recepções de Batman vs Superman e Esquadrão Suicida, o público dos EUA não esteja muito animado com Liga da Justiça, mesmo com a ótima recepção de Mulher-Maravilha, que até agora é o filme que mais aqueceu os corações dos norteamericanos.

Vamos aguardar até a próxima semana para fazer considerações mais aprofundadas, mas até agora, a Warner não tem muito o que comemorar e isso aponta para grandes mudanças no horizonte próximo. Já se fala em expandir o universo da Mulher-Maravilha, ou torná-la o ponto central do universo (tal qual Batman foi até agora). Com isso, Mulher-Maravilha 2 receberá sinal verde imediato e Flash – Flashpoint deverá investir em participações especiais da princesa amazona e do Aquaman, que também receberá um filme solo no ano que vem.

É muito pouco provável que a Warner desista da franquia da Liga da Justiça assim tão fácil, então, mudanças serão feitas. Agora, os rumores de que Ben Affleck deve deixar de ser o Batman e será substituído por Jake Gyllenhaal podem até mesmo se concretizar, embora, verdade seja dita, não há nada de culpa dele no processo.