Com problemas decorrentes no lançamento de SimCity, a saída do CEO John Riccitiello e o fim da franquia Medal of Honor, entre outros problemas, a empresa de criação de videogames Electronic Arts teve um início de ano tumultado, ocasionando declarações de que mudanças serão implementadas para reposicioná-la na indústria. A primeira delas é a demissão de funcionários e o fechamento de alguns estúdios pelo mundo, incluindo o Brasil.

Além da EA Mobile no Brasil, os estúdios de Londres e a BioWare Social também serão fechados.

Um funcionário da EA Mobile no Brasil comunicou o fechamento do estúdio que trabalhava em parceria com a Electronic Arts Montreal  no desenvolvimento de jogos para celulares. O braço canadense da companhia também sofreu com as mudanças.

Na manhã de 11 de abril de 2013, foram demitidos cerca de 250 funcionários da EA Mobile em Montreal, que não deve ser fechado.

“A EA está mudando seu foco para produzir mais jogos para novas plataformas e mobile. Em alguns casos, isso envolve a redução de equipes para que possamos evoluir para uma organização mais eficiente. São decisões difíceis de serem tomadas, mas linearizar nossas operações nos ajudará a trazer o melhor em games da próxima geração para jogadores de todo o mundo”, informa o comunicado oficial da empresa.

Games desenvolvidos pela EA

Games desenvolvidos pela EA