O diretor de criação e o diretor de narrativa do jogo Batman: Arkham Origins, Eric Holmes e Dooma Wendschuh, falam sobre a elaboração da história do videogame e como ela se conecta com a franquia e o que tem de diferente de Batman: Arkham Asylum e Arkham City.

A trama do jogo se passa alguns anos antes dos outros capítulos, com um Homem-Morcego mais jovem, já em atividade no combate ao crime, tendo que enfrentar oito dos maiores assassinos do planeta, que foram enviados a Gotham para eliminá-lo na noite de Natal por um inimigo misterioso.

Os jogadores encontrarão vários dos personagens cruciais da série e desenvolverão uma relação importante com eles. Este também poderá ser o primeiro jogo da franquia Arkham com modo multiplayer.

Em uma das opções do multiplayer, o jogador poderá ser inserido como um membro da gangue de Coringa e Bane com o objetivo de perseguir Batman e Robin.

Os vilões do jogo serão: Crocodilo, Pistoleiro, Máscara Negra, Vagalume e o Exterminador, mas estas informações ainda não foram confirmadas pela Warner Bros. Montreal, desenvolvedora do título.

O estúdio que desenvolveu o jogo é o WB Montreal (responsável pela adaptação de Batman: Arkham City para Wii U), ao invés da tradicional produtora dos capítulos anteriores, a Rocksteady.

Batman: Arkham Origins será lançado em 25 de outubro de 2013, para PCs, Wii U, PlayStation 3 e Xbox 360.

A linha narrativa do jogo Batman: Arkham Origins

[dt_divider style=”gap”/]

Batman mais jovem, iniciando o combate ao crime

Batman mais jovem, iniciando o combate ao crime

 

Vídeo em inglês: