A editora americana de quadrinhos IDW anunciou que a nova série em quadrinhos de X Files representará a décima temporada do seriado, que teve nove temporadas no canal Fox. Chris Carter, produtor da série e criador de Fox Mulder e Dana Scully, estará diretamente envolvido com os quadrinhos.

Carter será  o produtor executivo da HQ, comandando roteiristas e artistas para uma visão próxima ao espírito da série de tv. Arquivo X terá roteiros de Joe Harris  e desenhos de Michael Walsh.

Nos quadrinhos, os ex agentes do FBI, Fox e Scully, estarão vivendo com identidades secretas no subúrbio, até que sua tranquilidade é abalada com o retorno de um “velho amigo“.

Havia planos para um terceiro filme que deveria sair no ano passado, e que acabou não acontecendo. David Duchovny, o Fox Mulder, disse que os fãs deviam pedir à Fox para fazer o terceiro filme virar realidade.

X Files teve nove temporadas entre 1993 e 2002, além de dois filmes em 1998 e 2008, que apesar de agregar a equipe original, não atingiu o sucesso da série na tv.

Décima temporada de X Files acontecerá nos quadrinhos

The X-Files foi uma premiada série de televisão norte-americana de ficção científica exibida ao longo dos anos 1990 e criada por Chris Carter.

Estreou em setembro de 1993 e terminou em maio de 2002. Foi um sucesso para a emissora FOX, e os as personagens e slogans, por exemplo, “The Truth Is Out There” (A verdade está lá fora), Trust No One (Não confie em ninguém), I Want to Believe (Eu quero acreditar), tornaram-se marcos na cultura pop na década de 1990. A série também gerou uma série derivada, The Lone Gunmen.

Na série, os agentes do FBI Fox Mulder (David Duchovny) e Dana Scully (Gillian Anderson) são investigadores de arquivos-x: casos não solucionados envolvendo fenômenos paranormais. Mulder acredita na existência de extraterrestres e em paranormalidade, enquanto Scully, uma médica cética, é designada para fazer análises científicas das descobertas de Mulder.

Ainda no começo da série ambos agentes tornam-se alvo de uma trama conspiratória (denominados “mitologia” pelos produtores), e passam a confiar apenas um no outro. Eles desenvolvem um relacionamento próximo, começando com um sentimento platônico e depois se tornando um relacionamento romântico no término da série.

A série ganhou popularidade no meio da década de 1990, conduzindo a um filme em 1998, chamado (The X-Files: Fight The Future). Este foi seguido por um filme após o término da série, The X-Files: I Want to Believe, em 2008.

Nas duas últimas temporadas, Gillian Anderson tornou-se a protagonista enquanto David Duchovny aparecia intermitentemente, e novos personagens foram introduzidos: os agentes John Doggett (Robert Patrick) e Monica Reyes (Annabeth Gish), enquanto o chefe de Mulder e Scully, o diretor assistente Walter Skinner (Mitch Pileggi), também se tornou personagem central. Até o término da série, Arquivo-X era a série com maior tempo de duração na história da televisão americana, posto ocupado logo após por Stargate SG-1.