O ator norte americano Charlie Sheen, de 50 anos, confirmou os rumores de que é portador do vírus HIV em uma entrevista ao programa “Today”, da NBC

Charlie Sheen contou ao apresentador Matt Lauer que foi diagnosticado há quatro anos.”Começou com o que eu achei ser uma série de fortes dores de cabeça. Achei que tinha tumor cerebral. Achei que era meu fim”, disse. “São três letras difíceis de se absorver.

É uma virada na vida de alguém”, completou.

O médico que trata de Sheen, Robert Huizenga, esclareceu que apesar de portador do HIV, o ator não tem Aids. O tratamento feito teria sido bem sucedido, pois exames mostram que o vírus é indefectível.

Sheen toma quatro pílulas por dia, e revelou que foi chantageado por diversas pessoas.

Uma prostituta ameaçou vender fotos dos remédios encontrados no banheiro a um tablóide, forçando o ator a pagar U$ 10 milhões para comprar o silêncio dela e de outras pessoas.

Sheen afirmou ainda que nunca mentiu a respeito do assunto para as pessoas com quem manteve relação. “Sempre usei camisinha e fui honesto sobre a minha condição”.

Charlie_Sheen_-_YouTube_-_reproducao

Veículos internacionais afirmam que a atriz Denise Richards, ex esposa de Sheen e os dois filhos que ambos têm não foram infectados. Especula-se que o astro de filmes e séries tenha contraído o vírus após seu divórcio em 2006.

Conhecido principalmente pela série de comédia “Two and a Half Man”, Charlie Sheen já recebeu ao longo da carreira quatro indicações ao Emmy e duas ao Globo de Ouro.