Cada vez mais encontramos exemplos de tecnologia e modernidade espalhados pelas ruas das cidades, tornando mais cômoda e prática a vida das pessoas. Desde hot spot’s de Wifi em praças e ruas, até terminais de informação computadorizados. Agora, os é a vez de pontos de ônibus com estrutura metalizada, teto espelhado, telas sensíveis ao toque e iluminação noturna, instalados na Avenida Paulista.

Mas as inovações tecnológicas dos abrigos só estarão disponíveis em fevereiro do ano que vem, quando a concessionária Ótima, responsável pelos pontos de ônibus, concluir a substituição dos outros 12 pontos da avenida.

[dt_divider style=”double-gap”/]

Avenida Paulista recebe dois pontos de ônibus de alta tecnologia  (3)

Os pontos de ônibus são do modelo “High Tech”, um dos quatro criados pelo designer de mobiliário urbano Guto Indio da Costa. O projeto recebeu neste ano o prêmio Idea Brasil (International Design Excellence Awards), na categoria Design de Impacto Social.

Avenida Paulista recebe dois pontos de ônibus de alta tecnologia  (2)

O modelo atual dos pontos, com estrutura marrom de metal e um vidro mais resistente, tem sido criticado pelos passageiros, que afirmam que o telhado esquenta muito em dias ensolarados e deixa entrar água pelas brechas do teto quando chove.

Em junho deste ano, havia abrigos de ônibus novos com sinais de ferrugem e pontos de corrosão, que segundo a SP Obras, a ferrugem fazia parte da estética do material utilizado, o aço corten.

Após as reclamações dos passageiros, em julho deste ano foi publicada no “Diário Oficial” da Cidade a contratação da Fundação Carlos Alberto Vanzolini, no valor de R$ 56 mil, para avaliar os novos abrigos das paradas de ônibus.