Atentado contra as Torres Gêmeas nos EUA completa 20 anos 3

Em 11 de Setembro de 2001 uma série de atentados terroristas aconteceu nos Estados Unidos. O mais marcante, transmitido praticamente em tempo real para todo o mundo, foi a derrubada das torres gêmeas do World Trade Center, atingidas cada uma por um avião.

Há duas décadas, 19 terroristas da rede Al-Qaeda, armados  com estiletes, sequestraram quatro aviões comerciais e os utilizaram como armas contra os Estados Unidos.

Completa-se 20 anos do dia em que as Torres Gêmeas do World Trade Center, em Nova York, ruíram e o Pentágono foi atingido, em Washington. Comandos terroristas suicidas sequestraram quatro aviões comerciais e lançaram três deles contra os símbolos do poderio econômico e militar. A outra aeronave caiu em descampado da Pensilvânia, depois de uma rebelião dos passageiros, provavelmente a caminho do Capitólio ou da Casa Branca.

A rede Al-Qaeda, comandada então pelo dissidente saudita Osama bin Laden, expôs a vulnerabilidade dos Estados Unidos, naquela manhã ensolarada de terça-feira, 11 de setembro de 2001.

Quase três mil pessoas morreram durante os ataques, incluindo os 227 civis e os 19 sequestradores a bordo dos aviões. A esmagadora maioria das vítimas eram civis, incluindo cidadãos de mais de 70 países.

Além disso, há pelo menos um óbito secundário – uma pessoa foi descartada da contagem por um médico legisla, pois teria sido morto por uma doença pulmonar devido à exposição à poeira do colapso do World Trade Center.

Os Estados Unidos responderam aos ataques com o lançamento da Guerra ao Terror: o país invadiu o Afeganistão para derrubar o Taliban, que abrigou os terroristas da al-Qaeda.

O processo de reconstrução foi iniciado no local do World Trade Center. Em 2006, uma nova torre de escritórios foi concluída no local, o World Trade Center 7. A torre One World Trade Center, construída no local, é um dos arranha-céus mais altos da America do Norte, com 541 metros de altura.

Mais três edifícios estão previstos para serem construídos no local das antigasTorres Gémeas, além de um memorial às vítimas dos ataques já concluído.

O Memorial Nacional do Voo 93 começou a ser construído 8 de novembro de 2009 e a primeira fase de construção foi concluída no 10° aniversário dos atentados de 11 de setembro, em 2011.