O ator Colin Farrel comentou sobre quando testou a maquiagem e prótese do Pinguim para o filme “The Batman”:

“A primeira vez que fizemos, havia cerca de dez pessoas no set, incluindo Mike Marino, o maquiador responsável pelo desing do vilão, e a equipe dele.”

“Levamos de seis a oito horas apenas colocando os dentes, o rosto, a peruca, o figurino, tudo, e foi realmente poderoso e divertido. Isso despertou minha imaginação e continuou comigo todos os dias que trabalhei.

Farrel continua “Senti ter essa licença para habitar um personagem de uma maneira que nunca tive antes na minha carreira.”

O ator admitiu se entregar completamente ao papel: “Via muito pouco de mim mesmo quando estava caracterizado. Se me olhasse no espelho e falasse comigo com meu próprio sotaque, seria mais estressante do que assumir o dialeto e comportamento do Pinguim, e tudo isso fazia sentido.”

Farrel contou também sobre o dia no qual o filho dele o viu como o vilão da DC pela primeira vez: “Ele ficou totalmente horrorizado. Tenho um vídeo do momento no meu iPhone. Ele ficou horrorizado e animado, e levou uns minutos para se acostumar com a maquiagem e o figurino”.