Um estudo divulgado pela empresa de consultoria IDC mostra que o mercado brasileiro de smartphones fechou 2013 com um recorde de vendas: 67,8 milhões de unidades comercializadas.

Entre os dispositivos vendidos, 35,6 milhões eram de smartphones, um crescimento de 123% em relação ao ano anterior, quando foram vendidos 16,1 milhões. De acordo com o estudo, foram vendidos 68 smartphones por minuto no país no ano passo.

Segundo a IDC, essa foi a primeira vez no Brasil em que se venderam mais smartphones do que celulares tradicionais.

Segundo o analista de mercado da IDC Brasil, Leonardo Munin, em 2015, a expectativa é que esse número suba para mais de 100 smartphones por minuto. O mercado cresceu três dígitos frente a uma base de 16 milhões, resultado considerável e que deverá se manter também para os próximos anos.

No quarto trimestre de 2013, foram comercializados 7,1 milhões de celulares tradicionais e 11,5 milhões de smartphones.

Este crescimento deve-se a vários fatores, entre eles, à redução do ticket médio do aparelho e a ampliação do número de modelos existentes no mercado.

De acordo com dados da IDC, o Brasil terminou 2013 como o quarto maior consumidor de smartphones, ficando atrás apenas de China, Estados Unidos e Índia, respectivamente.

2013 teve recorde de vendas de smartphones no Brasil