The Rain série da Netflix é provavelmente o melhor show que você assistirá este ano!!!

/, Séries/The Rain série da Netflix é provavelmente o melhor show que você assistirá este ano!!!

Não é que você vai se surpreender muito em The Rain, mas vai se entreter. Isso eu garanto. Se você for fã de ficção pós-apocalíptica, essa é a série para assistir. E também perceberá rapidamente que The Rain é um dos melhores dramas de sobrevivência que viu em anos, mesmo que ele se apoie fortemente nos núcleos familiares, conta com personagens excitantes, imprevisíveis e genuinamente interessantes que o manterá colado na tela.

Esta é a primeira série original dinamarquesa da Netflix e inicia sua ação freneticamente. Nós nos encontramos com a adolescente Simone logo na abertura, de olhos arregalados em pânico sobre atrasar um teste… Mas nada disso importa. Aliás nada mais importa. Somo arremessados direto para a ação onde, momentos depois, o pai dela vem correndo pelos corredores da escola, agarrando-a pelo braço, e freneticamente a colocando no carro com o resto da família, sem oferecer nenhuma outra explicação além de que está vindo “A Chuva” (tradução do nome do show).
A família segue numa rodovia e envolvem-se num acidente mas acabam chegando a um bunker de alta tecnologia(no meio de uma floresta) exatamente quando as gotas mortais começam a cair ao redor deles. Eles conseguem sobreviver – um dos poucos que conseguem- Mas não sem sofrer perdas também.

 

Seu pai (que parece ser o único a entender o que realmente está se passando) diz que precisa sair, uma vez que eles estão seguros, não oferecendo respostas, insistindo que ele é o único que pode salvar o mundo, e incutir em Simone um único dever: garantir a segurança de seu irmão mais novo, Rasmus; pois o pai diz que ele é a chave para tudo isso. Pouco depois de o pai ir embora, a mãe tem um pouco de azar e , de repente, são apenas Simone e Rasmus; jovem, sozinha e apavorada, em um bunker que tem tudo de que precisam. Então é onde eles ficam. Por seis anos longos e solitários anos…

Obedientemente aguardando o retorno de seu pai, Simone e Rasmus ignoram o que acontece além de seus muros – marcados com a insígnia de “Appalon” da megaempresa que seu pai trabalha. De dentro, tudo o que Simone e Rasmus sabem é que há um vírus mortal carregado pela chuva, que é de ação rápida e angustiante de se ver, e que o pai deles está tentando consertar. Flashbacks revelam que Simone sabe um pouco mais, mesmo que não tenha certeza de como remendar as conversas ouvidas por acaso com seu pai, que poderia ter criado esse vírus apocalíptico em uma tentativa de curar sua doença desconhecida…

…Nos dias atuais, Simone tenta juntar as peças, incluindo uma rede inacessível de bunkers subterrâneos de Appalon, mas é só quando a comida se esgota e Simone tem que ir além do solo que os irmãos começam a aprender a extensão do pesadelo em que se encontram.

Quando mundo exterior é introduzido novamente, The Rain realmente decola, transformando-se em um conjunto mais complexo e satisfatório,

Quando mundo exterior é introduzido novamente, The Rain realmente decola, transformando-se em um conjunto mais complexo e satisfatório, onde tudo é incerto. Agora as leis de convivência mudaram. Isso é verdade não apenas para Simone e Rasmus, que estão desorientados além da medida nos restos cinzentos e sujos do mundo que conheciam, mas também para os outros sobreviventes. Sei que depois de anos vendo séries com mundo pós apocalípticos esta premissa pode parecer igual a tudo visto antes. Mas, além de um cenário mega inóspito e uma fotografia bela, The Rain trás uma abordagem única de seus sobreviventes.
Cada personagem central no show oferece uma perspectiva fascinante sobre o conjunto de circunstâncias horripilantes em que eles estão inseridos. The Rain apresenta personagens que parecem preencher arquétipos familiares no género e, lentamente, habilmente revela quem eles realmente são, suas histórias pŕe evento são brilhantemente(mesmo que rapidamente) abordadas.

Então cada personagem acaba sendo muito mais interessante do que você pensa que será. Alguns fazem de tudo para sobreviver, inclusive se auto-sacrificar…
Por trazer uma nova abordagem e o frescor de uma produção europeia sobre mundo pós apocalíptico indico este show para todos os amantes de sci-fi.

Texto da colunista Lorena Soeiro, nerd, professora e tradutora de língua inglesa, cosplayer, roqueira, leitora de ficção, apaixonada por séries e documentários, cinéfila. colecionadora e louca por Tim Burton.

@lorenasoeiro

2018-05-10T13:52:06+00:00